Fique atento, servidor: reforma da Previdência pode entrar em pauta a qualquer momento

Um recado do Goiás 24 Horas aos servidores públicos da Capital: fiquem espertos, mais muito espertos, porque a qualquer momento o presidente da Câmara de Vereadores, Andrey Azeredo (MDB), pode colocar em votação a nefasta reforma da Previdência municipal, que aumenta a alíquota de contribuição de 11% para 14% dos salários.

O regimento não obriga Andrey a anunciar, com antecendência, que o projeto será colocado na ordem do dia. E todos nós sabemos que ele é aliado do prefeito Iris Rezende (MDB) e fará de tudo para o projeto ser aprovado. 

Andrey retirou a reforma da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), onde estava em discussão, sob argumento de que o texto estava parado lá. 

Fiquem atentos, o golpe vem aí.