Datafolha: Haddad alcança Ciro, Alckmin e Marina em 1ª pesquisa depois de TSE tirar Lula

O Jornal Nacional, da TV Globo, divulgou nesta segunda-feira a primeira pesquisa Datafolha desde que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) impediu Lula de ser candidato. E neste cenário, o substituto de Lula, Fernando Haddad, subiu de 4% para 9% e alcançou os candidatos do segundo pelotão: Geraldo Alckmin (PSDB), com 10%;  Marina Silva (Rede), com 11%; e Ciro Gomes (PDT), com 13%. O líder continua a ser Jair Bolsonaro (PSL), com 24%.