Não mostrou a que veio: secretário de Segurança está ameaçado de cair na reforma de Caiado

A decisão do governador Ronaldo Caiado (DEM) de promover uma reforma no secretariado com apenas um mês de mandato tem como pano de fundo o fraco desempenho de auxiliares que ocupam postos-chave no governo. 

Um deles é Rodney Miranda, titular da Segurança Pública. Rodney enfrenta críticas públicas de delegados da Polícia Civil e de membros da cúpula da PM, que acusam o governo de descumprir promessas e de não dialogar. 

Ele é um dos forasteiros que Caiado trouxe para o governo. Ainda não mostrou a que veio.

Compartilhe