Presidente do Sindifisco denuncia maquiagem de números fiscais por Caiado e sugere auditoria

O presidente do Sindicato dos Auditores Fiscais do Estado de Goiás (Sindifisco), Paulo Sérgio, sugere a realização de auditoria nas contas do governo Ronaldo Caiado (DEM) como saída à guerra de versões sobre a real situação de receitas e despesas.

“São dados do Tesouro Nacional e creio na veracidade dessas informações. Em relação a uma possível maquiagem tem que ver se essas informações foram prestadas pelo Estado ao Tesouro, quem sabe pedir uma auditoria. Se Goiás estivesse tão ruim não teria conseguido viabilizar a extinção da terceira classe na Segurança Pública”, afirma Paulo Sérgio ao Jornal Opção.

Reportagem publicada pelo jornal O Estado de S.Paulo desta quarta-feira (6/3) mostra que, ao contrário do que Caiado afirma, a situação fiscal de Goiás melhorou entre 2015 e 2108.  Estadão mostra que Goiás melhorou os dois principais indicadores de saúde fiscal: reduziu o comprometimento da receita com folha de pessoal e a relação entre receita e dívida pública.