CPI da Enel: deputado radicaliza e diz que não ficou “satisfeito” sobre depoimento de diretor

O presidente da CPI da Enel ficou irritado com o depoimento do atual diretor de relações institucionais do órgão responsável pelo fornecimento de energia elétrica no estado, Humberto Eustáquio Tavares Correia.

Segundo o parlamentar disse ao Jornal Opção, Humberto deu respostas evasivas e sem profundidade. “Não fiquei satisfeito”, disse ele que, junto com os demais membros, já solicitou relatório de investimentos ao diretor, que tem até quarta-feira, 27, para entregar, de acordo com o jornal.