Caiado, que é médico, e Gracinha continuam calados sobre a morte da criança no Materno

Até o momento não se viu nenhuma manifestação do governador Caiado, que é médico, e da primeira-dama Gracinha sobre a tragédia no Materno Infantil, onde uma criança de 5 anos morreu no corredor esperando atendimento. Sempre ativos e risonhos nas redes sociais, Gracinha e Caiado continuam calados. A morte já foi notícia até no Jornal Nacional, que fez reportagem demolidora sobre o caos no Materno.

O silêncio no Palácio permanece!