O Popular: Oséias Pacheco caiu porque falou a verdade sobre finanças de Goiânia

Oséias Pacheco foi demitido pelo prefeito Iris Rezende (PMDB) da Secretaria de Finanças de Goiânia, na noite desta segunda-feira, porque falou a verdade sobre as contas do município em entrevistas recentes. A informação é do jornal O Popular.

Causou especial desconforto a Iris a afirmação de que há excesso de servidores comissionados no Paço e de que a prefeitura está usando dinheiro de multas de trânsito e da Agência Municipal de Meio Ambiente (Amma) para pagar o salário do funcionalismo público (o que é questionável, do ponto de vista legal).

“Conforme o apurado, Oséias vinha se queixando da frequente cobrança pelo aumento de arrecadação diante da escassez de possibilidades para solucionar os problemas financeiros no Paço”, diz a reportagem. “Ele também teria ficado insatisfeito com as críticas surgidas após ser divulgado que a prefeitura estava usando receitas da Amma, da SMT e do Procon para conseguir manter o pagamento dos servidores em dia”.

Para o lugar de Oséias, Iris nomeou nesta terça-feira Alessandro Melo, que teria sido indicado por Jorcelino Braga, ex-secretário da Fazenda do governo Alcides Rodrigues.