Recado para Daniel Vilela: 89% dos brasileiros defendem afastamento de Temer, segundo Datafolha

É importante que o deputado federal Daniel Vilela (PMDB), um dos líderes da tropa de choque do presidente Michel Temer (PMDB), leia isto.

Acusado de liderar um esquema de propina do PMDB que teria movimentado pelo menos R$ 587 milhões, Temer tem que ser investigado, na opinião da maioria dos brasileiros. Para 89% dos entrevistados pelo instituto Datafolha nos dias 27 e 28 de setembro, a Câmara deveria autorizar o prosseguimento da denúncia feita pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o peemedebista.

Apenas 7% são contrários à aprovação da denúncia, que implicaria o afastamento de Temer por até seis meses, caso a decisão da Câmara fosse aceita pelo Supremo.

Além de liderar um esquema de propinas no PMDB, Temer teria dado aval à compra do silêncio do ex-deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ), preso no Paraná, pela JBS.

A gestão Michel Temer (PMDB) atingiu a maior reprovação já registrada pelo Datafolha desde o início da redemocratização no país: apenas 5% de aprovação. As informações são da reportagem de Marco Rodrigo Almeida, na Folha de S. Paulo.