Suspeito de matar 2 crianças a tiros em colégio de Goiânia seria aluno do 8° ano vítima de bullying por mau cheiro

Surgem novas e estarrecedoras informações sobre o atentado a tiros que aconteceu em um colégio particular que fica no Conjunto Riviera, em Goiânia, e que resultou na morte de duas crianças na manhã desta sexta-feira: o principal suspeito é um aluno do oitavo ano que sofria bullying devido ao mau cheiro. Ainda não há informações a respeito do estado de saúde do suspeito.

A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros foram acionados por volta do 12 horas, assim como o Serviço de Atendimento oMóvel de Urgência. Um helicóptero do Grupo de Radiopatrulha Aérea (Graer) foi acionado para encaminhar as vítimas ao Hospital Geral de Goiânia (Hugo).