Promessa de renovação, Andrey fica agachado para Iris, é dominado por Kajuru, vira fantoche, e torna-se a maior decepção da política em Goiás

Apontado por muitos como promessa de renovação na política de Goiás, o vereador Andrey Azeredo (PMDB) assumiu a presidência da Câmara de Goiânia. Claro que ninguém esperava que ele se insurgisse contra Iris Rezende, mas esperava-se o mínimo de independência, dignidade e altivez.

Apesar do boato, Iris diz a vereadores que Fátima Mrué continua secretária de Saúde

O vereador Jorge Kajuru (PRP) perguntou ao prefeito Iris Rezende (PMDB) se é verdade que a secretária de Saúde, Fátima Mrué, pediu demissão, como informou o Jornal Opção no começo da manhã desta quarta-feira. O prefeito negou com uma risada, de acordo com o vereador. Circulou inclusive o boato de que o substituto seria o vereador Paulo Saci Daher (DEM).

Kajuru elogia Marconi por oferecer HGG como ponto de apoio ao tratamento de diabéticos em Goiânia

Na tribuna da Câmara Municipal de Goiânia, nesta quarta-feira, o vereador Jorge Kajuru (PRP) elogiou o governador Marconi Perillo (PSDB) por deixar eventuais divergências de lado e oferecer o Hospital Geral de Goiânia (HGG) como ponto de apoio ao tratamento de diabéticos na Capital. “É um reconhecimento público ao governador Marconi Perillo que eu não poderia deixar de fazer”, afirmou Kajuru.

No dia em que surge boato de demissão de Fátima Mrué, 49 pessoas esperam na fila da morte em Goiânia

Site da Secretaria de Saúde de Goiânia informa que 49 pessoas aguardam a liberação de leitos de UTI neste momento. É um número altíssimo, incomum em administrações passadas, mas que converge com a média observada desde que Iris Rezende (PMDB) assumiu o cargo de prefeito de nomeou Fátima Mrué para cuidar da Secretaria de Saúde da Capital. Mrué, a patrona da fila da morte em Goiânia, teria pedido demissão nesta semana, segundo o jornal Opção.

“Estão escolhendo a dedo quem vai viver e quem vai morrer”, diz Elias Vaz sobre “máfia” das UTIs na prefeitura

Relator da Comissão de Inquérito (CEI) da Câmara Municipal que investiga irregularidades na Saúde de Goiânia, o vereador Elias Vaz (PSB) denunciou nesta quarta-feira a existência de uma “máfia” que “escolhe a dedo quem vai viver e quem vai morrer” na Capital: é a “máfia” que regula a ocupação de leitos de UTIs hospitalares na prefeitura e dos donos de hospitais. 

Jornal Opção: secretária Fátima Mrué pede demissão depois de virar a Saúde de Goiânia de cabeça pra baixo

O jornal Opção divulgou, há pouco, a notícia de que a secretária de Saúde de Goiânia, Fátima Mrué, pediu demissão depois de transformar a rede de atendimento municipal numa zona. Em última visita à Câmara Municipal, no último dia 29 de setembro, Iris Rezende teve que, mais uma vez, sair em defesa de sua escolhida para chefiar a pasta. Aos jornalistas, ele reiterou que não atenderia o pedido dos vereadores de destituí-la e que o cargo de secretário de Saúde só ficaria vago caso Fátima pedisse demissão.

Secretária Fátima Mrué zomba de vereadores e população em entrevista na Difusora: “Me criticam porque sabem que temos uma gestão eficiente na Saúde”

Em entrevista à rádio Difusora, na manhã desta terça-feira, Fátima Mrué (secretária de Saúde de Goiânia) zombou da população e dos vereadores em alto estilo. A secretária é protegida do prefeito Iris e ninguém entende porque ela continua no comando da secretaria.

Secretário diz que aumento de IPTU não trará prejuízo à carreira de nenhum vereador. Triste de quem acreditar nele

Além de alegar que a prefeitura vai aumentar mais o imposto de quem é mais rico, e que isso seria “justiça fiscal”, Alessandro também afirmou que votar a favor do reajuste não trará prejuízo à carreira de nenhum vereador. Mentira. Em 2016, dois terços da Câmara foi renovada porque aprovou aumento de IPTU a pedido de Paulo Garcia.

Vereador Emilson diz que concorda com aumento de IPTU em Goiânia: “Dinheiro tem que sair de algum lugar”

O vereador Emilson Pereira (PTN) juntou-se ao presidente da Câmara Municipal, Andrey Azeredo (PMDB), na defesa do aumento contínuo de IPTU em Goiânia. Emilson engoliu – por inocência ou não – a teoria de que o aumento contínuo do IPTU vai promover justiça fiscal porque promove reajustes maiores sobre quem é mais rico.

Andrey mostra as garras e defende aumento de IPTU em Goiânia: “Isto é justiça tributária”

O presidente da Câmara Municipal, Andrey Azeredo (PMDB), mostrou as garras na sessão desta terça-feira. Por ocasião da visita do secretário de Finanças da prefeitura, Alessandro Melo, ao plenário, Andrey finalmente deixou claro seu apoio à tentativa do prefeito Iris Rezende (PMDB) de por a mão no bolso do contribuinte, ou seja: aumentar o IPTU. 

O Popular insiste em publicidade de mau gosto com Robério Star Chic, ícone da breguice e da falta de refinamento intelectual

O jornal O Popular desta terça-feira volta a publicar publicidade com seu novo garoto-propaganda, Robério Star Chic. Robério ficou conhecido em Goiânia por suas esquetes bregas para atingir consumidores de baixa renda para suas lojas de roupa. Tornou-se símbolo da falta de refinamento intelectual, pecha que o Pop definitivamente não quer.

Secretário de Finanças de Iris vai à Câmara para convencer vereadores a votar a favor do aumento de IPTU em Goiânia

O secretário municipal de Finanças, Alessandro Melo, está no plenário da Câmara Municipal de Goiânia. Alessandro tentará convencer os vereadores a votar a favor do aumento contínuo do IPTU, ou seja: a favor de permitir que o prefeito Iris Rezende (PMDB) promova um reajuste de imposto a taxas maiores do que a inflação e sem autorização da Câmara.

Waldirização de Caiado: assim como o deputado, que prometeu votar contra Temer, mas sumiu, Caiado arruma licença médica justamente no dia da votação contra Aécio

Na época da primeira denúncia contra Michel Temer, o deputado Waldir bradou que votaria pela aceitação do processo. No dia da votação, Waldir não apareceu. O deputado sumiu! Depois, apareceu dizendo que teve um problema familiar. O roteiro é o mesmo de Ronaldo Caiado. O senador disse que votaria contra Aécio. E não é que na sexta-feira ele foi abatido por uma mula (pasmem! uma mula!), quebrou o ombro e agora ficará 15 dias de licença médica.

“Parece que Iris só governa para garantir eleição de Dona Iris em 2018”, diz vereadora Dra. Cristina. Ouça

Em entrevista à rádio Bandeirantes 820 AM na manhã desta sexta-feira, a vereadora Dra. Cristina (PSDB) desmarcara o real propósito da gestão do prefeito Iris Rezende (PMDB). “A impressão que se tem é de que ele está governando para entregar para a Dona Iris as eleições do ano que vem”, afirmou, na entrevista.